BLOG DE NOTICIAS DE TRAJANO DE MORAES

Notícias e Assuntos de Interesse da Cidade

Últimas notícias de TRAJANO DE MORAES RJ:

"Acreditei na pacificação , mas é de mentira", diz mãe de mototaxista morto no RJ


Trajano de Moraes tem contas aprovadas pelo TCE-RJ




 Trajano de Moraes tem contas aprovadas pelo TCE-RJ O Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ) aprovou, nesta terça-feira, em sessão plenária, a prestação de contas de administraçã ;o financeira da Prefeitura de Trajano de Moraes, referente ao exercício de 2013, de responsabilidade do ...
Jogos Indígenas vão reunir 48 etnias brasileiras Ministério repassa R$ 867.780,00 para Querência (MT) e R$ 519.976,73 para Trajano de Moraes (RJ), atingidos por fortes chuvas Estados que mais exportaram foram Mato Grosso, São Paulo, Rio Grande do Sul, Paraná e Minas Gerais
Trajano de Moraes, RJ, inicia reconstrução de estação ferroviária O distrito de Visconde de Imbé em Trajano de Moraes, Região Serrana do Rio, começou a receber, na semana passada, as obras e a limpeza da Estação Ferroviária do local. Funcionários da prefeitura estão fazendo a retirada de entulhos para a chegada ...

Consiga um emprego AGORA MESMO em TRAJANO DE MORAES RJ:

Empregos Manager Online
Detran abre agendamentos para posto itinerante na Região Serrana O Departamento de Trânsito do Estado do Rio de Janeiro (Detran) está com agendamento aberto para a realização de serviços no posto itinerante que estará em Trajano de Moraes, Santa Maria Madalena e São Sebastião do Alto, na Região Serrana do Rio.

Diego Souza acerta transferência para o Sport, informa o pai do atleta Ele já vinha treinando no Rio de Janeiro e em no máximo duas semanas estará atuando em perfeitas condições", destacou o pai do atleta. Em pé, na fila de trás: Runaldo, Gatãozinho, Trajano ... Sérgio Moraes, Beto, Samuel, Nelsinho e Santos. 
Procurador vai avaliar suposto crime eleitoral no RJ O Tribunal Regional Eleitoral do Rio enviou nesta segunda-feira à Procuradoria Regional Eleitoral relatório sobre o material apreendido por seus fiscais na gráfica High Level Signs, no Méier, na zona norte, no último dia 8, sob suspeita de fraude.

Tempo e Temperatura:

Trajano de Moraes, RJ, inicia reconstrução de estação ferroviária O distrito de Visconde de Imbé em Trajano de Moraes, Região Serrana do Rio, começou a receber, na semana passada, as obras e a limpeza da Estação Ferroviária do local. Funcionários da prefeitura estão fazendo a retirada de entulhos para a chegada ...
Detran abre agendamentos para posto itinerante na Região Serrana O Departamento de Trânsito do Estado do Rio de Janeiro (Detran) está com agendamento aberto para a realização de serviços no posto itinerante que estará em Trajano de Moraes, Santa Maria Madalena e São Sebastião do Alto, na Região Serrana do Rio.
TRE-RJ fecha Centro Cultural Anthony Garotinho em Campos, no RJ A fiscalizaçã o do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ) fechou, nesta segunda-feira (25), o Centro Cultural Anthony Garotinho, no município de Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense. A determinaçã o de lacrar foi tomada após denúncia anônima de ...
Treinador de seguranças do Obama ensina técnicas de jiu-jitsu no sul do RJ O mestre em jiu-jitsu Pedro Sauer esteve reunido com praticantes da arte marcial em Resende, neste fim de semana. Ele foi à cidade para ensinar técnicas da luta. Sauer contou que se interessou pelo esporte graças à proximidade com a família Gracie ...
"Acreditei na pacificação , mas é de mentira", diz mãe de mototaxista morto no RJ Denize Moraes da Silva afirma ... Apesar de mostrar apreensão com o futuro, Trajano diz que não vê outro modelo melhor neste momento e que acredita que as UPPs sejam "o melhor experimento de policiamento do Rio de Janeiro dos últimos 30 anos", mas ...
Trajano de Moraes tem contas aprovadas pelo TCE-RJ O Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ) aprovou, nesta terça-feira, em sessão plenária, a prestação de contas de administraçã ;o financeira da Prefeitura de Trajano de Moraes, referente ao exercício de 2013, de responsabilidade do ...
Jogos Indígenas vão reunir 48 etnias brasileiras Ministério repassa R$ 867.780,00 para Querência (MT) e R$ 519.976,73 para Trajano de Moraes (RJ), atingidos por fortes chuvas Estados que mais exportaram foram Mato Grosso, São Paulo, Rio Grande do Sul, Paraná e Minas Gerais
Trajano de Moraes, RJ, inicia reconstrução de estação ferroviária O distrito de Visconde de Imbé em Trajano de Moraes, Região Serrana do Rio, começou a receber, na semana passada, as obras e a limpeza da Estação Ferroviária do local. Funcionários da prefeitura estão fazendo a retirada de entulhos para a chegada ...
300x250 Petrópolis, RJ, terá palestra gratuita sobre sistemas da qualidade A engenheira Ângela França vai ministrar a palestra “Sistemas da Qualidade” em Petrópolis, na Região Serrana do Rio, nesta quarta-feira (27). O evento é gratuito e acontece às 19h no Centro de Estudos Sobre o Atual e o Cotidiano (Ceac), no bairro ...
Procon-RJ faz acordos com prefeituras sobre autenticação do Livro de Reclamações A Secretaria de Estado de Proteção e Defesa do Consumidor (Seprocon), por meio do Procon Estadual, está fechando parcerias com os procons municipais de 14 cidades e com as prefeituras dos demais 78 municípios do estado para que cada um deles tenha o ...
TRE-RJ proíbe Pezão de fazer campanha em prédio público O governador do Rio de Janeiro e candidato à reeleição pelo PMDB, Luiz Fernando Pezão, não poderá fazer campanhas em prédios públicos. A decisão foi definida pelo desembargador Wagner Cinelli do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ).
RJ: número de homicídios sobe 22,8% em julho, em relação ao mesmo mês O número de homicídios dolosos (aqueles em que os autores têm a intenção de matar) cresceu 22,8% no estado em julho, se comparado com o mesmo mês do ano passado, revelou um levantamento dos índices de criminalidade divulgado ontem pelo Instituto de ...
300x250 RJ: autoestrada Grajaú-Jacarepaguá é liberada após tiroteio A autoestrada que liga os bairros Grajaú e Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, foi reaberta por volta das 3h40 desta quarta-feira, em ambos os sentidos. A via havia sido interditada devido a uma troca de tiros entre policiais da Unidade de Polícia ...
Crea-RJ realiza VII Seminário de Autovistoria Predial nesta terça-feira O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Rio (Crea-RJ) promove, nesta terça-feira, o VII Seminário Lei de Autovistoria e Elaboração de Laudo Técnico de Vistoria Predial (LTVP). Especialistas buscarão esclarecer, por meio de palestras e mesas ...
MP-RJ abre ação contra policiais que torturavam em UPPs O Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) ingressou com ação civil pública contra o governo estadual e 31 policiais militares pela tortura de Amarildo de Souza e de outros oito moradores da favela da Rocinha (zona sul), entre eles adolescentes e ...

TRAJANO DE MORAES RJ tspan:3m TRAJANO DE MORAES RJ
Selecionamos as principais notícias da cidade de TRAJANO DE MORAES RJ. Os acontecimentos políticos, acidentes de trânsito nas rodovias, fatos do centro, dos bairros e do interior. Pesquisamos também os jornais locais e as redes sociais, bem como o site da prefeitura.

O trabalho jornalístico consiste em captação e tratamento escrito, oral, visual ou gráfico, da informação em qualquer uma de suas formas e variedades. O trabalho é normalmente dividido em quatro etapas distintas, cada qual com suas funções e particularidades: pauta, apuração, redação e edição.A pauta é a seleção dos assuntos que serão abordados. É a etapa de escolha sobre quais indícios ou sugestões devem ser considerados para a publicação final. A apuração é o processo de averiguar informação em estado bruto (dados, nomes, números etc.). A apuração é feita com documentos e pessoas que fornecem informações, chamadas de fontes. A interação de jornalistas com suas fontes envolve freqüentemente questões de confidencialidade.A redação é o tratamento das informações apuradas em forma de texto verbal. Pode resultar num texto para ser impresso (em jornais, revistas e sites) ou lido em voz alta (no rádio, na TV e no cinema). A edição é a finalização do material redigido em produto de comunicação, hierarquizando e coordenando o conteúdo de informações na forma final em que será apresentado. Muitas vezes, é a edição que confere sentido geral às informações coletadas nas etapas anteriores. No jornalismo impresso (jornais e revistas), a edição consiste em revisar e cortar textos de acordo com o espaço de impressão pré-definido. A diagramação é a disposição gráfica do conteúdo e faz parte da edição de impressos. No radiojornalismo, editar significa cortar e justapor trechos sonoros junto a textos de locução, o que no telejornalismo ganha o adicional da edição de imagens em movimento.

Tags: Últimas Notícias, TRAJANO DE MORAES RJ, Cidade, Interior, Segunda, Terça, Quarta, Quinta, Sexta, Sábado, Domingo, Carro, Eleições, Crime, Estrada, Rodovia, Acesso, Greve, Eleições, Festa, Granizo, Chuva, Enchente,Aniversário, Prêmio, Mês, Fim de Semana, Hoje, Ontem, Anteontem, Hora, Pouco Tempo, Agora há Pouco, Mulher, Homem, Família, Criança, Portal,Pessoas, Como saber, Onde eu Acho, Site, Blog, Diário,Protesto,Inauguração, Cassação, Cassado, Show, Apresentação, Espetáculo, Fotos, Vídeos, Imagens, Previsão, Caminhão, Vítimas, Situação, Oposição, Eleições, Enquete, Votos, Apuração, Trânsito, Operação, PF, Delegacia, Praia, Localidade, Animais, Ver Fotos.

Como um aplicativo para celular ajuda a localizar um carro roubado?

A Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça (Senasp/MJ) divulgou que o aplicativo para smartphones e tablets Sinesp Cidadão ultraandamentou 1,8 milhão de downloads no período de seis meses de funcionamento. Por meio de consultas ao Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública, Prisionais e Sobre Drogas (Sinesp), 55 mil veículos roubados ou furtados já foram recuperados e 2 mil pessoas que estavam foragidas foram capturadas.

Clique aqui e baixe o Sinesp Cidadão

A secretária Nacional de Segurança Pública, Regina Miki, explica que milhares desses usuários consultaram o sistema e depois acionaram a polícia, que após checar as denúncias fez as apreensões e prisões.

Entretanto, Regina Miki explica que o cidadão não deve agir sozinho. "Quando o usuário verifica algo irregular, sobre alguma pessoa ou um veículo, basta acionar profissionais de segurança pública, que fazem a checagem e apuração da suspeita", orienta.

app é gratuito e pode ser baixado em celulares e tablets, ou acessado por computadores. Ele está a disposição 24 horas por dia, em qualquer lugar com acesso à internet. Está a disposição para Android e para o sistema IOS. Em breve a ferramenta deve ser disponibilizada igualmente para as platamaneiras Windows Phone e Blackberry.

Buscas inteligentes As comunicações sobre veículos são acessadas por meio da base nacional do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), com uma frota de mais 83 milhões de automóveis, motocicletas, caminhões, ônibus, e etc. O módulo de Consulta a Placas do Sinesp Cidadão (ou CheckPlaca, como ficou conhecido) foi o primeiro a ser lançado, em 12 de dezembro de 2013. De lá para cá, foram registradas 70 milhões de consultas a placas de veículos, com uma média de 320 mil verificações por dia.

Já o módulo Mandados de Prisão do Sinesp Cidadão permite buscas a nomes e números de documentos de pessoas incluídas no Banco Nacional de Mandados de Prisão do Conselho Nacional de Justiça, com mais de 350 mil mandados em aberto. O serviço foi lançado em 24 de abril deste ano e soma 3 milhões de consultas no período, ou cerca de 90 mil buscas diárias.

Sistemas integrados De acordo com a secretária Regina Miki, o Sinesp Cidadão é um produto da maior plataforma tecnológica sobre segurança pública do país, desenvolvido em parceria com o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro).

Miki explica que o Sinesp é um portal de comunicações integradas, em parceria com os entes federados, que permite consultas estatísticas, operacionais, investigativas e estratégias relacionadas a drogas, segurança pública, justiça criminal, sistema prisional, entre outros.

"Por meio do Sinesp buscamos subsidiar diagnósticos de criminalidade, formulação e avaliação de políticas de segurança, ademais de promover a integração nacional de comunicações de forma padronizada", comunica a secretária.

[21]

O pessoal da cidade precisa saber quais as embalagens que poluem menos!

O desafio de desenvolver embalagens ecologicamente viáveis e que aumentem a vida de prateleira dos alimentos, reduzindo perdas e deterioração das frutas e hortaliças motivou pesquisadores da Embrapa Agroindústria de Alimentos, no Rio de Janeiro (RJ), a desenvolverem um filme ativo de polpa de acerola, com características antioxidantes e antimicrobianas. A iniciativa contou com a colaboração com o Programa de Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ).

Mais que uma barreira física, atualmente as embalagens podem atuar como fator ativo na segurança dos alimentos, na conservação e na manutenção da qualidade. Embalagens ativas têm sido utilizadas como uma das tecnologias mais promissoras para preservar alimentos perecíveis como pães, biscoitos, queijos, carnes, frutas entre outros. O filme de amido de mandioca adicionado de polpa de acerola e óleo essencial de cravo, passível de ser comestível, aponta para esse cenário.

O bioplástico de polpa de acerola possui características antioxidantes, devido ao alto teor de vitamina C e betacaroteno, e microbianas, graças à ação fungicida do óleo essencial de cravo. O material representa uma inovação para a agroindústria e contribui para a redução do desperdício de alimentos.

O produto foi desenvolvido pela pesquisadora Mônica Guimarães Farias, doutoranda em Ciência e Tecnologia de Alimentos pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, sob a supervisão do pesquisador Carlos Piler, da Embrapa Agroindústria de Alimentos. "Percebo que há uma visão maior para a sustentabilidade nos negócios e um interesse da indústria na utilização de plásticos com características ativas e biodegradáveis", analisa Mônica.

Redução do desperdício

No âmbito mundial, cerca de um terço dos alimentos produzidos anualmente para o consumo humano é desperdiçado. Isso equivale a cerca de 1,3 bilhão de toneladas de alimentos. Dados da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) confirmam que estes alimentos seriam suficientes para alimentar cerca de dois bilhões de pessoas ao redor do mundo. Na América Latina e Caribe se perdem e se desperdiçam mais alimentos do que os necessários para satisfazer as necessidades das 47 milhões de pessoas que ainda sofrem de fome na região.

As perdas e desperdícios de alimentos ocorrem ao longo de toda a cadeia alimentar: 28% se dão no âmbito do consumidor; 28% da produção; 17% no mercado e distribuição; 22% durante o manuseio e armazenamento e os 6% restantes na etapa de processamento. No Brasil, os estudos do pesquisador da Embrapa Agroindústria de Alimentos, Antonio Gomes, revelam que o problema do desperdício se concentra principalmente no transporte, manuseio, embalagens e a forma de comercialização de alimentos in natura, que não são adequados.

Nessa interface com os consumidores, as embalagens ativas e inteligentes devem contribuir efetivamente para a redução de perdas quantitativas e qualitativas durante a armazenagem, o transporte e a distribuição. A utilização do filme ativo aumenta a vida útil de frutas e vegetais, reduzindo perdas. As embalagens ativas protegem o alimento e têm a capacidade de inibir o crescimento de microrganismos, garantindo a qualidade e as propriedades sensoriais dos alimentos.

Para a produção do filme de acerola, é utilizado um agente fungicida natural, o óleo essencial de cravo, que se mostrou eficaz na inibição do crescimento do Penicillium sp., agente causal dos bolores de coloração azul ou verde em frutos cítricos, como laranja, limão e tangerina. Esse fungo causa o apodrecimento mais rápido das frutas acarretando prejuízos aos produtores e comerciantes, além de induzir reações alérgicas em pacientes sensíveis, o que representa uma ameaça à saúde do consumidor.

Embalagens biodegradáveis

As embalagens representam um terço do lixo doméstico e cerca de 80% delas são descartadas após serem usadas apenas uma vez. As embalagens plásticas convencionais contribuem para o esgotamento de aterros e lixões, morte dos animais, poluição das paisagens, entre outros impactos ambientais.

O polipropileno, plástico derivado do petróleo, é uma das matérias-primas mais comuns de embalagens de alimentos e bebidas, contribuindo para esse cenário. No Brasil, aproximadamente um quinto do lixo é composto por embalagens, ou seja, cerca de 30 mil toneladas desse tipo de lixo vão diariamente para os depósitos de lixo.

O problema ambiental motiva a substituição dos plásticos convencionais derivados do petróleo por plásticos biodegradáveis ou comestíveis. Os biodegradáveis degradam-se completamente no meio ambiente em pouco tempo. Os microrganismos, quando em contato com esse material, secretam enzimas que quebram suas moléculas em partículas cada vez menores. Enquanto um plástico convencional demora de quatro a cinco séculos para se decompor, o biodegradável se decompõe em poucos anos.

O recente relatório publicado pela consultoria TechSci Research revela que o mercado europeu para plásticos biodegradáveis tem previsão de crescimento de 12% no período de 2014 a 2019.

"O crescimento do mercado está sendo sustentado por vários fatores, como o aumento da consciência ambiental entre os consumidores, a aplicação de leis favoráveis ao meio ambiente e a crescente pesquisa e desenvolvimento do setor de plásticos biodegradáveis tanto no setor público, quanto no privado", afirma Karan Chechi, diretor de Pesquisa da TechSci Research.

A utilização de plásticos biodegradáveis tem aumentado significativamente em indústrias para o usuário final, tais como embalagens, produtos descartáveis de plástico e têxteis. Percebendo os benefícios oferecidos por plásticos biodegradáveis, vários estudos estão em andamento para melhorar a viabilidade comercial dessas aplicações no Brasil e em outros países.

O custo do plástico biodegradável ainda é em média três vezes maior que o convencional. A maioria das empresas que investe nesses produtos tem como interesses principais estar à frente no desenvolvimento tecnológico e contribuir para a preservação do meio ambiente, utilizando-o como um diferencial de marketing.

Os plásticos são produzidos através de um processo químico chamado polimerização, que proporciona a união química de moléculas básicas, os monômeros, para formar polímeros, normalmente produzidos a partir do petróleo.

O pesquisador da Embrapa Agroindústria de Alimentos, Carlos Piler, trabalha na área há nove anos e já desenvolveu outros tipos de polímeros derivados de matéria orgânica e outras fontes alternativas de amidos utilizando também partículas nanométricas (30 mil vezes menor que a espessura de um fio de cabelo) em sua composição.

Os polímeros biodegradáveis apresentam reduzido impacto ambiental, já que podem ser consumidos junto com os alimentos ou serem mais rapidamente e facilmente degradados pela ação de microrganismos no solo e convertidos em adubo orgânico em compostagem. Seus projetos estão vinculados à Rede AgroNano que engloba os maiores especialistas do País em nanotecnologia para o agronegócio.

"Nossa meta agora é ampliar a produção desses bioplásticos para uma escala industrial com o uso da técnica de extrusão termoplástica, e continuar trabalhando na melhoria da resistência mecânica e no controle da permeabilidade a gases, de forma a validar as possíveis aplicações", conta o pesquisador.

[22]

O pessoal da cidade precisa saber quais as embalagens que poluem menos!

O desafio de desenvolver embalagens ecologicamente viáveis e que aumentem a vida de prateleira dos alimentos, reduzindo perdas e deterioração das frutas e hortaliças motivou pesquisadores da Embrapa Agroindústria de Alimentos, no Rio de Janeiro (RJ), a desenvolverem um filme ativo de polpa de acerola, com características antioxidantes e antimicrobianas. A iniciativa contou com a colaboração com o Programa de Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ).

Mais que uma barreira física, atualmente as embalagens podem atuar como fator ativo na segurança dos alimentos, na conservação e na manutenção da qualidade. Embalagens ativas têm sido utilizadas como uma das tecnologias mais promissoras para preservar alimentos perecíveis como pães, biscoitos, queijos, carnes, frutas entre outros. O filme de amido de mandioca adicionado de polpa de acerola e óleo essencial de cravo, passível de ser comestível, aponta para esse cenário.

O bioplástico de polpa de acerola possui características antioxidantes, devido ao alto teor de vitamina C e betacaroteno, e microbianas, graças à ação fungicida do óleo essencial de cravo. O material representa uma inovação para a agroindústria e contribui para a redução do desperdício de alimentos.

O produto foi desenvolvido pela pesquisadora Mônica Guimarães Farias, doutoranda em Ciência e Tecnologia de Alimentos pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, sob a supervisão do pesquisador Carlos Piler, da Embrapa Agroindústria de Alimentos. "Percebo que há uma visão maior para a sustentabilidade nos negócios e um interesse da indústria na utilização de plásticos com características ativas e biodegradáveis", analisa Mônica.

Redução do desperdício

No âmbito mundial, cerca de um terço dos alimentos produzidos anualmente para o consumo humano é desperdiçado. Isso equivale a cerca de 1,3 bilhão de toneladas de alimentos. Dados da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) confirmam que estes alimentos seriam suficientes para alimentar cerca de dois bilhões de pessoas ao redor do mundo. Na América Latina e Caribe se perdem e se desperdiçam mais alimentos do que os necessários para satisfazer as necessidades das 47 milhões de pessoas que ainda sofrem de fome na região.

As perdas e desperdícios de alimentos ocorrem ao longo de toda a cadeia alimentar: 28% se dão no âmbito do consumidor; 28% da produção; 17% no mercado e distribuição; 22% durante o manuseio e armazenamento e os 6% restantes na etapa de processamento. No Brasil, os estudos do pesquisador da Embrapa Agroindústria de Alimentos, Antonio Gomes, revelam que o problema do desperdício se concentra principalmente no transporte, manuseio, embalagens e a forma de comercialização de alimentos in natura, que não são adequados.

Nessa interface com os consumidores, as embalagens ativas e inteligentes devem contribuir efetivamente para a redução de perdas quantitativas e qualitativas durante a armazenagem, o transporte e a distribuição. A utilização do filme ativo aumenta a vida útil de frutas e vegetais, reduzindo perdas. As embalagens ativas protegem o alimento e têm a capacidade de inibir o crescimento de microrganismos, garantindo a qualidade e as propriedades sensoriais dos alimentos.

Para a produção do filme de acerola, é utilizado um agente fungicida natural, o óleo essencial de cravo, que se mostrou eficaz na inibição do crescimento do Penicillium sp., agente causal dos bolores de coloração azul ou verde em frutos cítricos, como laranja, limão e tangerina. Esse fungo causa o apodrecimento mais rápido das frutas acarretando prejuízos aos produtores e comerciantes, além de induzir reações alérgicas em pacientes sensíveis, o que representa uma ameaça à saúde do consumidor.

Embalagens biodegradáveis

As embalagens representam um terço do lixo doméstico e cerca de 80% delas são descartadas após serem usadas apenas uma vez. As embalagens plásticas convencionais contribuem para o esgotamento de aterros e lixões, morte dos animais, poluição das paisagens, entre outros impactos ambientais.

O polipropileno, plástico derivado do petróleo, é uma das matérias-primas mais comuns de embalagens de alimentos e bebidas, contribuindo para esse cenário. No Brasil, aproximadamente um quinto do lixo é composto por embalagens, ou seja, cerca de 30 mil toneladas desse tipo de lixo vão diariamente para os depósitos de lixo.

O problema ambiental motiva a substituição dos plásticos convencionais derivados do petróleo por plásticos biodegradáveis ou comestíveis. Os biodegradáveis degradam-se completamente no meio ambiente em pouco tempo. Os microrganismos, quando em contato com esse material, secretam enzimas que quebram suas moléculas em partículas cada vez menores. Enquanto um plástico convencional demora de quatro a cinco séculos para se decompor, o biodegradável se decompõe em poucos anos.

O recente relatório publicado pela consultoria TechSci Research revela que o mercado europeu para plásticos biodegradáveis tem previsão de crescimento de 12% no período de 2014 a 2019.

"O crescimento do mercado está sendo sustentado por vários fatores, como o aumento da consciência ambiental entre os consumidores, a aplicação de leis favoráveis ao meio ambiente e a crescente pesquisa e desenvolvimento do setor de plásticos biodegradáveis tanto no setor público, quanto no privado", afirma Karan Chechi, diretor de Pesquisa da TechSci Research.

A utilização de plásticos biodegradáveis tem aumentado significativamente em indústrias para o usuário final, tais como embalagens, produtos descartáveis de plástico e têxteis. Percebendo os benefícios oferecidos por plásticos biodegradáveis, vários estudos estão em andamento para melhorar a viabilidade comercial dessas aplicações no Brasil e em outros países.

O custo do plástico biodegradável ainda é em média três vezes maior que o convencional. A maioria das empresas que investe nesses produtos tem como interesses principais estar à frente no desenvolvimento tecnológico e contribuir para a preservação do meio ambiente, utilizando-o como um diferencial de marketing.

Os plásticos são produzidos através de um processo químico chamado polimerização, que proporciona a união química de moléculas básicas, os monômeros, para formar polímeros, normalmente produzidos a partir do petróleo.

O pesquisador da Embrapa Agroindústria de Alimentos, Carlos Piler, trabalha na área há nove anos e já desenvolveu outros tipos de polímeros derivados de matéria orgânica e outras fontes alternativas de amidos utilizando também partículas nanométricas (30 mil vezes menor que a espessura de um fio de cabelo) em sua composição.

Os polímeros biodegradáveis apresentam reduzido impacto ambiental, já que podem ser consumidos junto com os alimentos ou serem mais rapidamente e facilmente degradados pela ação de microrganismos no solo e convertidos em adubo orgânico em compostagem. Seus projetos estão vinculados à Rede AgroNano que engloba os maiores especialistas do País em nanotecnologia para o agronegócio.

"Nossa meta agora é ampliar a produção desses bioplásticos para uma escala industrial com o uso da técnica de extrusão termoplástica, e continuar trabalhando na melhoria da resistência mecânica e no controle da permeabilidade a gases, de forma a validar as possíveis aplicações", conta o pesquisador.

[22]

INSS é responsável por descontos errados de empréstimo para aposentados

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) pode ser obrigado a devolver valores indevidamente descontados da renda mensal de aposentadoria ou pensão por morte para pagamento de mensalidades de empréstimo bancário em consignação. A decisão foi da Turma Nacional de Uniformização dos Juizados Especiais Federais (TNU), que pacificou o entendimento sobre a matéria, na sessão de julgamentos desta quarta-feira (6).

No caso julgado pela Turma Nacional, o INSS apresentou recurso contra as decisões de primeira e segunda instância dos Juizados Especiais Federais, que haviam concedido a uma segurada de Pernambuco o pagamento em dobro dos valores descontados de seu benefício, bem como pagamento de indenização por danos morais.

A autarquia utilizou como fundamento um acórdão da Turma Recursal de Goiás, que considerou não existir legitimidade passiva do INSS para a ação judicial na qual se pretende restituição de valores descontados de benefício previdenciário para repasse ao banco responsável pelo empréstimo consignado. Para o Instituto, na ocorrência de fraude, a responsabilidade seria apenas da instituição financeira.

Autorização

No entanto, a Lei 10.820, de 2003, prevê a possibilidade de a autorização para consignação do empréstimo ser colhida tanto pelo INSS quanto pela instituição financeira. A relatora do processo na TNU, juíza federal Marisa Cláudia Gonçalves Cucio, sustenta ainda, em seu voto, que a despeito de o contrato ter sido ajustado entre beneficiário e banco, a autorização de desconto emitida pelo segurado titular do benefício dever ser obtida pelo próprio INSS.

O banco somente pode colher diretamente autorização de consignação do beneficiário se for o responsável, ao mesmo tempo, pela concessão do empréstimo e pelo pagamento do benefício ao segurado. Nessa situação, o INSS repassa o valor integral da aposentadoria ou pensão à instituição financeira credora, que se encarrega de efetuar o desconto na renda mensal. “Em contrapartida, quando o INSS se incumbe de fazer a consignação, precisa ele próprio exigir do beneficiário a manifestação de autorização”, ponderou a magistrada.

Segundo ela, a controvérsia sobre a questão se aprofundou com a edição de atos normativos pelo próprio Instituto, os quais não previam a necessidade do beneficiário apresentar autorização de consignação, porque bastaria o banco conveniado encaminhar à Dataprev arquivo magnético com os dados do contrato de empréstimo.

“O INSS não pode, com base em ato normativo infralegal editado por ele próprio, eximir-se da responsabilidade, imposta por norma legal hierarquicamente superior, de verificar se o aposentado ou pensionista manifestou a vontade de oferecer parcela dos proventos como garantia da operação financeira de crédito. (...) Ao confiar nos dados unilateralmente repassados à Dataprev pela instituição financeira, o INSS assume o risco de efetuar descontos indevidos na renda mensal de benefícios previdenciários”, salientou a juíza federal. [17]


O que é mito e o que é verdade sobre as vistas

HÁBITOS E COSTUMES



Ver televisão de perto pode prejudicar a visão? Ver TELEVISÃO de perto pode provocar cansaço ocular por forçar a acomodação e a convergência, mas não traz prejuízo para a visão. O ideal é assistir à televisão a uma distância de 2 metros no mínimo, e sempre com o local iluminado. A radiação emitida pela televisão é mínima não causando danos aos OLHOS. O computador estraga a visão? Não há nenhum estudo científico comprovando que os computadores sejam prejudiciais aos olhos. A quantidade de radiação ultravioleta emitida pelo computador está bem abaixo daquela que provoca catarata e outras doenças oculares, mesmo após um longo período de exposição. Uma variedade de sintomas como DOR DE CABEÇA, ARDOR, LACRIMEJAMENTO, VISÃO EMBAÇADA, podem ocorrer após o uso excessivo do computador. Recomenda-se um descanso de 10 minutos para cada hora de trabalho à frente do computador. É importante uma avaliação oftalmológica para avaliar a necessidade de uso de ÓCULOS e observar a distância correta do monitor e do texto, boa iluminação e postura correta, para minimizar o cansaço provocado pelo uso excessivo do computador. Ler em automóvel pode provocar descolamento de retina? Não, o movimento em qualquer meio de locomoção não causa DESCOLAMENTO DE RETINA. Porém não se recomenda a leitura em movimento, pois o esforço visual será maior, podendo levar a um cansaço visual provocando DOR DE CABEÇA, ARDOR, LACRIMEJAMENTO, DOR OCULAR. Ler no escuro é prejudicial? A iluminação ruim cansa os olhos mais depressa, porém não deixa seqüelas (ver VISÃO).

CRENÇAS POPULARES

Quem força a vista acaba precisando de óculos? O esforço para enxergar é conseqüência, jamais causa, dos chamados DEFEITOS DE REFRAÇÃO, como a MIOPIA. As pessoas, aliás, costumam herdar esses distúrbios que, portanto, nada tem a ver com seus hábitos (ver ÓCULOS). Vista cansada é mais freqüente nas pessoas que lêem muito? Não, a conhecida vista cansada ou PRESBIOPIA aparece em torno dos 40 anos, independente da pessoa ter ou não lido durante a adolescência. Com o passar do tempo o CRISTALINO vai, aos poucos, perdendo o poder de acomodação e ocorre uma dificuldade para perto, sendo então prescritos ÓCULOS. Olhos claros são mais sensíveis à luz? A sensibilidade excessiva à luz tem a ver com pigmentos da RETINA, não da ÍRIS, e com a dilatação da PUPILA, um orifício igual em OLHOS de qualquer cor. Lavar os olhos com água corrente é bom para quem tem olho seco? Não, o OLHO SECO é uma alteração ocular, onde ocorre uma diminuição da produção de LÁGRIMA. Inúmeras são as causas de olho seco, sendo muito freqüente, associado a doenças reumáticas. A idade e alguns medicamentos como os betabloqueadores, antidepressivos, diuréticos, antialérgicos, também podem provocar uma diminuição do filme lacrimal. O tratamento inicial é COLÍRIO lubrificante para evitar lesões na CÓRNEA. Nos casos mais graves pode haver a necessidade da obstrução do ponto lacrimal, que pode ser temporária ou definitiva. Limão clareia os olhos? Não, o limão é totalmente contra indicado para uso ocular, pois pode provocar IRRITAÇÃO NOS OLHOS, podendo ocasionar até ÚLCERAS DE CÓRNEA. Para aliviar os sintomas provocados por irritação, recomenda-se COLÍRIOS anti-sépticos ou soro fisiológico. É verdade que anel quente é bom para curar terçol? Não, esta é uma velha crença popular, só tem valor histórico. Compressas quentes são muito mais eficazes (ver TERÇOL).

TRANSPLANTE

Os olhos podem ser transplantados para outra pessoa? Não, somente a CÓRNEA (ver ESQUEMA) pode ser transplantada de um individuo para outro. Em alguns casos também utilizamos a esclera para a realização de enxertos. O TRANSPLANTE é indicado quando ocorre uma perda da transparência da cornea. Todas as pessoas cegas podem ser beneficiadas pelo transplante de córnea? Infelizmente, não. Apenas as pessoas que perderam a VISÃO por lesão da CÓRNEA podem beneficiar-se do transplante.

SINAIS DE ALERTA

O que são moscas volantes? Quando uma pessoa vê pontos em seus OLHOS, não é, provavelmente, fruto de imaginação. Flutuações no vítreo, também conhecidas como MOSCAS VOLANTES, são percebidas como sendo manchas, nuvens, pontos ou teias de aranha. Na maioria das vezes as flutuações são células que se agrupam e de pouca importância. Elas podem aparecer e desaparecer, não sendo necessário qualquer tipo de tratamento. O paciente aprende a conviver e tolerar as mesmas e quando necessário movimenta os olhos para os lados ou para cima e para baixo, fazendo com que as flutuações saiam do seu CAMPO VISUAL. O VÍTREO é uma substância gelatinosa transparente que preenche o globo ocular, dando forma ao mesmo. Flutuações são pequenas opacificações que se formam no vítreo. Estas flutuações podem ter graus variados conforme sua importância, dependendo da sua causa. Uma flutuação pode ser um pequeno grupo de células, uma parte do vítreo que descolou, células de sangue flutuando no vítreo ou inflamação intraocular. O envelhecimento torna o vítreo mais liquefeito e o aparecimento de moscas volantes são mais freqüentes. Quando essas células passam pelo campo de visão, a luz é bloqueada e uma sombra se projeta na retina, dando a sensação de pontos no campo visual, sendo muito freqüentes nos pacientes míopes (ver MIOPIA). Quando ocorre um DESCOLAMENTO DO VÍTREO o paciente tem a sensação da visão de “teia de aranha” que pode persistir durante meses e anos, não tendo significado clínico. O importante nesses casos é o acompanhamento feito pelo oftalmologista, que poderá realizar uma ULTRA-SONOGRAFIA OCULAR para acompanhar a evolução do descolamento do vítreo. Outra causa de flutuação, esta sim de forma mais grave, é a ruptura que pode ocorrer na RETINA por tração do vítreo, podendo levar a um descolamento da retina, sendo que muitas vezes o paciente tem a sensação de "flash" (ver FOTOPSIA) no campo visual lateral. É muito importante o diagnóstico precoce e o tratamento pode ser realizado através da aplicação de laser ou cirurgia. Aos portadores de moscas volantes recomenda-se uma ida ao oftalmologista anualmente, ou quando surgirem mudanças significativas na quantidade ou tipo de flutuações, pois pode ser um alerta e um diagnóstico realizado precocemente pode evitar uma complicação mais grave. Diabetes pode causar cegueira? A DIABETES pode causar cegueira proveniente de alterações no fundo do OLHO. É muito importante uma avaliação freqüente com exame de FUNDO DE OLHO, que pode detectar alterações e a aplicação de laser, previne complicações futuras como as HEMORRAGIAS, que quando não tratada pode levar a CEGUEIRA. Uma dieta rigorosa e o acompanhamento clínico são essenciais, pois a diabetes não tem cura na maioria dos casos e sim o controle (ver ESQUEMA). Daltonismo tem cura? Não, DALTONISMO é uma doença hereditária, sendo raríssimo nas mulheres. Ela é incapacitante somente para as pessoas que, nas suas profissões, necessitam diferenciar as cores. Nas crianças é importante orientar aos professores que a criança tem dificuldade na identificação de determinadas cores (ver VISÃO CROMÁTICA), podendo as mesmas serem substituídas por símbolos, quando houver necessidade de colorir, por exemplo, mapas geográficos. O daltonismo ou discromatopsia pode ser completo ou relativo, neste caso a pessoa terá dificuldade em identificar certas cores, sendo as mais freqüentes com as cores verdes e vermelhas (ver ESQUEMA). O glaucoma é contagioso? Não, GLAUCOMA é o aumento da pressão intraocular e, quando não tratado, provoca danos irreversíveis ao NERVO ÓPTICO. Por sua vez, a lesão do nervo óptico provoca o estreitamento concêntrico do CAMPO VISUAL, o passo seguinte é a CEGUEIRA. Não é contagioso, porém tem um fator hereditário muito importante. O perigo do glaucoma é que, raramente, apresenta sintomas, exceto nos chamados glaucomas agudos que são raros. Recomenda-se que a partir dos 40 anos, a pessoa faça uma consulta anual ao oftalmologista para medir a pressão intraocular (ver ESQUEMA). Catarata é uma membrana que cobre os olhos? Não, esta membrana é chamada de PTERÍGIO, que vem a ser a formação de um tecido conjuntivo que quando provoca IRRITAÇÃO, por razões estéticas ou se desenvolve muito, atingindo a região central da CÓRNEA, deve ser removido cirurgicamente.

CORREÇÃO DA MIOPIA

A cirurgia de miopia elimina sempre o uso de óculos? Orientamos sempre aos pacientes que a cirurgia da MIOPIA está indicada para a redução do grau, eliminando a dependência dos ÓCULOS e/ou LENTE DE CONTATO. Independente do grau nunca pode garantir zerar, não devemos criar a chamada “falsa expectativa”, sendo importante fazer um estudo psicológico do paciente. O uso de lente de contato faz estabilizar o grau da miopia? Não, o uso da LENTE DE CONTATO não interfere na evolução do grau de MIOPIA. A miopia em média se estabiliza aos 18 anos e a lente de contato não interfere nesta estabilização.

USO DE ÓCULOS

O uso dos óculos faz diminuir o grau? Os ÓCULOS corrigem a qualidade da visão, mas não interferem na evolução do grau. Nas crianças que necessitam de óculos, é importante o uso dos mesmos, pois, em fase de desenvolvimento, a falta de óculos pode provocar sintomas como DOR DE CABEÇA, ARDOR, LACRIMEJAMENTO, falta de concentração e o pior, pode levar a AMBLIOPIA, ou seja, o não desenvolvimento total da visão. Óculos prontos, para perto, comprados em camelôs ou na farmácia, têm contra indicação? Sim, os ÓCULOS prontos só estão indicados nos casos de emergência, enquanto se aguarda o EXAME com o oftalmologista. É necessário que os óculos sejam confeccionados sob medida, pois cada pessoa tem uma distância entre os olhos que varia de acordo com o tamanho do seu rosto. Esta distância tem que ser igual ao centro óptico das LENTES. Os óculos comprados prontos dificilmente apresentam o centro óptico adequado para os olhos de quem os usa. Com esses óculos a pessoa consegue enxergar, mas depois de algum tempo começa a aparecer desconforto visual, DOR DE CABEÇA, ARDOR ou LACRIMEJAMENTO. Outro inconveniente é que inúmeras vezes as pessoas têm graus diferentes nos dois OLHOS e, com certeza, usando esses óculos irão forçar mais um dos olhos, ocasionando assim problemas visuais. Quando, além da VISTA CANSADA, a pessoa apresenta também ASTIGMATISMO, usando esses óculos a correção será parcial, já que eles não corrigem o astigmatismo, trazendo prejuízo para a visão do paciente. Nos U.S.A esses óculos são vendidos geralmente em farmácias, e a venda é liberada porque lá a mentalidade é outra. As pessoas têm consciência de que tais óculos são apenas provisórios, enquanto aguardam que os óculos prescritos pelo oftalmologista sejam confeccionados. É importante salientar que preservar a VISÃO é um dos grandes bens que o ser humano pode oferecer a si próprio. Portanto, na consulta para a prescrição de óculos, se pode detectar doenças em seus estágios iniciais como DIABETES, hipertensão arterial, GLAUCOMA, que muitas vezes, levam a CEGUEIRA se não tratados à tempo. Óculos escuros protegem os olhos? Sim, porém é importante que as LENTES sejam de boa qualidade para filtrar os raios ultravioletas e infravermelhos. Lentes que só escurecem e não possuem filtros, são muito prejudiciais, pois as PUPILAS se dilatam e a quantidade de raios que penetram no é muito maior, podendo provocar doenças como a CATARATA.

USO DE MEDICAMENTOS

Como se usa corretamente colírio nos olhos? Incline a cabeça para trás e olhe para cima reclinado em uma cadeira. A PÁLPEBRA inferior deve ser puxada para baixo para formar uma bolsa na qual o COLÍRIO é instilado. Após a aplicação do colírio, as pálpebras devem ser suavemente fechadas durante cerca de 2 minutos para dar tempo para que a medicação seja absorvida pelo OLHO. Neste momento evite piscar para não lançar a gota para fora do olho. Bloqueie os ductos lacrimais com o dedo indicador durante 2 minutos, evitando dessa forma o fluxo do colírio e das lágrimas para dentro do nariz. Isto é importante, pois o colírio pode ser absorvido pela parte interna do nariz e cair na corrente sanguínea, podendo alcançar o coração, pulmões e cérebro. Quando são receitados 2 colírios diferentes, qual é o intervalo entre eles? O intervalo deve ser de, aproximadamente, 5 minutos. A forma correta é puxar a pálpebra inferior para formar uma bolsa e instilar uma gota que é o suficiente. Colocar mais de uma gota de uma só vez causa um transbordamento e a outra gota será eliminada. Como se usa corretamente pomada nos olhos? Ao usar a pomada puxe a PÁLPEBRA inferior para baixo ou aplique uma pequena quantidade na ponta do dedo indicador, fechando os OLHOS e espalhando suavemente sobre as palpebras. Após a aplicação da pomada, as pálpebras devem ser suavemente fechadas durante cerca de 2 minutos para dar tempo para que a medicação seja absorvida pelo olho. Neste momento evite piscar para não lançar a pomada para fora do olho. Que cuidados devem ser tomados com as medicações? Evite que o frasco entre em contato com o OLHOS. Mantenha o frasco sempre tampado. Verifique o prazo de validade . Alguns colírios e pomadas necessitam ser guardados na geladeira. Não utilize COLÍRIOS e POMADAS que já foram utilizados.[19]

In Social Searcher

A numerologia da Mega-Sena pode mexer com a cabeça de qualquer pessoa.

Acumulada há cinco sorteios, a Mega-Sena deste sábado (16) pagou um prêmio de R$ 44 milhões. O concurso 1.627 da modalidade foi sorteado na cidade de Criciúma (SC). Os números sorteados foram:

20 - 26 - 32 - 41 - 45 - 57

Um único bilhete da cidade de Dores do Indaiá (MG) acertou as seis dezenas e leva o prêmio de R$ 44.340.626,24. De acordo com a Caixa, se apenas um apostador acertar as seis dezenas e aplicar o valor na poupança, poderá ter rendimentos mensais de R$ 266 mil, quase R$ 9 mil por dia. Se preferir, o ganhador poderá comprar 110 imóveis de R$ 400 mil cada, ou ainda uma frota de 338 carros de luxo.

Mais 130 apostadores acertaram a quina e ganharam um prêmio no valor de R$ 35.837,60.

O próximo concurso (1630), será sorteado no dia 20 de agosto e prevê um prêmio de R$ 3 milhões

Estatística

A numerologia da Mega-Sena pode mexer com a cabeça de qualquer pessoa. Vários analistas tentam observar padrões nos sorteios para encontrar algum padrão nos números.

A Caixa Econômica Federal divulga algumas dessas análises técnicas e estatísticas dos concursos da Mega Sena.

As 10 dezenas mais sorteadas nos últimos 100 concursos da Mega-Sena, por exemplo foram 33, 18, 5, 51, 4, 1, 58, 39, 8, 2.

Já as 10 cartas menos sorteadas nos últimos 100 concursos foram 50, 35, 40, 22, 19, 38, 56, 23, 14, 10.


Já pensou em fazer carreira militar?

As Forças Armadas Brasileiras não são compostas apenas por militares originários do serviço militar obrigatório. É possível ingressar no Exército, Marinha ou Aeronáutica e seguir carreira nos níveis escolares fundamental, médio ou superior e em diversas áreas de atuação, como medicina, comunicação e engenharia, entre outras.

Cada uma das Forças Armadas possui peculiaridades no processo de seleção, porém, homens e mulheres têm a possibilidade de ingressar no serviço militar a partir da adolescência, mediante aprovação em concurso público, de âmbito nacional, em alguma das Escolas de Formação específicas de cada Força.

A situação do jovem que presta o serviço militar obrigatório, cumprindo o que determina a Lei do Serviço Militar, é diferente da situação do jovem que se inscreve para prestar concurso para uma das Escolas da Força. O primeiro, por força da lei, permanece em alguma das Forças Armadas por um período temporário de no máximo oito anos, diferentemente do jovem aprovado em concurso, que poderá seguir a carreira das Armas e permanecerá na Força até passar para a Reserva Remunerada (uma espécie de aposentadoria militar).



*noticiasrj.com - todos os direitos reservados.